Artigo externo
Crise climática não rima com crescimento
A região da América Latina e Caribe tem crescido relativamente pouco nas últimas décadas e com um padrão bastante instável. Esse padrão ajuda a explicar o porquê de estarmos ficando para trás com relação à Ásia. Porém, apesar do traço comum, os países da região apresentam especificidades.
Compartilhe nas redes sociais

A região da América Latina e Caribe tem crescido relativamente pouco nas últimas décadas e com um padrão bastante instável. Esse padrão ajuda a explicar o porquê de estarmos ficando para trás com relação à Ásia. Porém, apesar do traço comum, os países da região apresentam especificidades.

Leia também